large.jpg

Quase sempre eu chego a acreditar que a natureza fala comigo, e que tenta de todas as formas me dizer o que fazer, mesmo que esse fazer seja apenas o continuar. Muitas vezes penso que apenas ela entende minha dor, minhas felicidades e meus momentos. E que só eu consigo traduzir tudo que ela tem a me dizer.

Todas as vezes que sorrio, o sol aparece. Toda vez que choro, vem o céu e me traz a chuva. Me fazendo acreditar que até as nuvens conseguem sentir o que eu sinto. Toda vez que eu me sinto só, vem a natureza e me traz o cantar dos pássaros.

A natureza me comove.

A natureza me comove porque apesar da chuva, o sol ainda vai aparecer. E tudo que eu sinto agora é ela tentando motivar cada partícula minha para ir ao encontro da felicidade.

O mundo me comove.

O mundo me comove porque apesar do caminho ser difícil, ainda existem coisas, momentos, pessoas, lugares… Para fazer com que tudo que seja ruim seja esquecido.

O segredo da vida está em sentir quando alguém ou algo tenta me chamar. O segredo de viver está em correr quando sou chamado. O segredo do mundo está em tentar ser feliz apesar dos tropeços.

Horas

large.jpg

Ei sei, meu bem. Eu sei que tem horas em que as coisas não parecem mais fazer sentido e tudo que você pensa é em como queria, de certa forma, que tudo fosse mais tranquilo e o mar estivesse menos turbulento. Tem horas que você se pega pensando em como a vida é bela e em como as coisas estão maravilhosas o suficiente pra perceber que a maré vai seguir calma por um bom tempo. Mas tem horas que você começa a se afogar sem nem saber como aconteceu. E nessas horas você fica perdido.

Nada é tão fácil. A vida não é fácil assim. E assim como o mar, a vida pode ser traiçoeira.

Os momentos ruins sempre parecerão transcender os momentos bons. Mas quando os momentos bons chegarem você vai perceber o quanto é grato por tudo que está acontecendo. Apesar de estar quase afundando, você conseguirá nadar. Apesar de querer morrer afogado, seu coração não irá deixar porque sabe que logo em frente haverá uma saída.

Eu sei, tem horas que tudo fica embaçado. Horas que você fica perdido. Horas que você se afoga. É difícil. É complicado. E mais que tudo: cansativo. Porém, tem horas que tudo começa a ficar a seu favor, horas em que a maré te leva e quando você menos espera: já encontrou a terra firme.

 

 

Perdição

large (1).jpg

Eu me perdi. Mas tudo isso aconteceu porque eu quis, eu juro.

Eu me perdi em meu novo mundo. Mas isso não aconteceu porque eu não quero. Eu me perdi para me encontrar. Eu me perdi para depois a felicidade vir mais forte do que já costumava vir. Acredito que aos poucos a vida pode me trazer ainda mais a paz que eu sempre quis sentir. Confesso que eu já sentia essa paz antes, mas era uma paz que queria de alguma forma explodir para ficar muito mais intensa. E não existe nada que eu possa fazer agora. Eu preciso tentar me encontrar novamente. Mas não agora. Não logo. Eu quero seguir um pouco perdida para que as coisas fiquem mais cheias de certeza no futuro. Eu quero seguir um pouco mais dentro do meu próprio mundo para que mais pra frente eu esteja madura o suficiente para compartilhar esse mundo com as pessoas de maneira com que elas não se machuquem.

Eu fico triste com isso tudo. Mas fico feliz. Não é fácil se perder porque o medo afeta cada pedacinho do nosso coração. Ele está afetando cada partícula minha. Mas sei que isso tudo é necessário.

A paz está presente, mas a vontade de viver é intensa. O caminho é longo, mas longo o suficiente para que essa perdição me faça crescer. Sinais estarão visíveis. E logo logo eu sei que irei me encontrar novamente.

E acreditem, isso me faz sorrir.